As Palavras do Senhor

A Biblia Aprova A Homossexualidade E Não Aprova A Promiscuidade Seja Lá Qual Seja A Condição Voce Sabia?

Quando Paulo diz que certas categorias de pecadores não entrarão no Reino dos Céus – ao lado dos adúlteros, bêbados, ladrões etc… – muitas bíblias incluem nesta lista os “efeminados” e “homossexuais”. Logo de início, há uma condenação injusta, pois muitos efeminados (como muitas mulheres masculinizadas no comportamento) não são necessariamente homossexuais. As mais modernas e abalizadas pesquisas exegéticas concluem que, se Paulo de Tarso quisesse condenar especificamente os praticantes do homoerotismo, teria empregado o termo corrente em sua época e de seu perfeito conhecimento, “pederastas”. Em vez desta palavra, Paulo usou as expressões gregas malakoi, arsenokoitai e pornoi – que as melhores edições da Bíblia em português traduzem por “pervetores”, “pervertidos” e “imorais”. Segundo os historiadores, vivendo Paulo numa época de grande licenciosidade sexual – tempo de Calígula, Nero e de Satiricon – ele condenou, sim, os excessos e abusos sexuais dos povos vizinhos,


Comments to A Biblia Aprova A Homossexualidade E Não Aprova A Promiscuidade Seja Lá Qual Seja A Condição Voce Sabia?

  • Sim. E o tempo todo tentam provar que Jesus também aprova um monte de coisas que em toda Bíblia é condenada para poder justificar seus pecados.

    Carol R 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • Não condenar os homossexuais é uma questão de caridade. Daí a dizer que a Bíblia não condena é uma distância muito grande. Sodoma e Gomorra foram destruídas por causa do homossexualismo.

    APOLO 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • Vc é gay?

    møsscå 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • Essa é uma polêmica muito grande. Disso tudo só sei de uma coisa: o autor está certo em dizer que a promiscuidade é um mal muito pior. Aliás o movimento gay causa uma má impressão principalmente pq defende a promiscuidade, em vez de simplesmente defender os gays.

    Marcos M 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • A resposta é mais do que lógica e está bem no início da Bíblia, quando Deus diz que não era bom que o homem estivesse só; e da própria costela do homem criou a mulher.
    Por que não criou outro homem? Vamos raciocinar queridos,
    é claro que Deus não aprova o homossexualismo; mas Deus de forma alguma apoia a forma como eles são tratados por muitos. A promiscuidade também não é bem vista aos olhos de Deus.

    Robson Ferreira 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • SODOMITAS E EFEMINADOS NÃO ENTRARÃO NO REINO DOS CÉUS.

    VOZ QUE CLAMA NO DESERTO 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • Lendo o que você escreveu, confirmou o que eu sempre respondo no AR: A Bíblia não é um livro confiável! Qualquer um coloca e retira ítens a seu bel prazer. A Bíblia não aprova nem desaprova,ela apenas um livro, mas alguns idiotas que a lê e tomam decisões mais idiotas ainda, porque como costumo dizer: Um burro carregado de livros , não deixa de ser um burro!!!!

    Aperto 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • Vou lhe dar a mesma resposta que dei a nossa amiga, em seu pedido de desculpas.
    condenam tanto a Palavra de Deus, leiam
    e continuo a dizer Deus ama o pecador mas não ama o seu pecado.
    Fonte = Questões morais
    Grupo Espírita Bezerra de Menezes
    Wikipédia
    que a Doutrina Espírita fala a respeito do homossexualismo? É um erro ou um estado de espírito?
    A homossexualidade é um desvio de comportamento do Espírito e como tal, deve ser encarada. Às vezes, manifesta-se como uma prova (que alguns deixam-se vencer) e em outras, como expiações tenazes. Todos os que vivem neste planeta ainda atrasado, são portadores de imperfeições. A homossexualidade é uma delas. O sentido da encarnação é justamente a luta para libertar-se de uma forma ou de outra. Entretanto os problemas da sexualidade envolvem muitos aspectos por tratar-se de área nevrálgica do comportamento humano. Como tornou-se problema comum demais em nosso meio, por conta da liberdade de ação do ser, naturalmente busca-se explicar o homossexualismo como algo normal, apenas como uma opção sexual do homem. Daí a reação negativa quando alguém fala que a homossexualidade não é simples opção e sim um desequilíbrio da sexualidade.
    Se essa conduta fosse normal não traria tantas dores, decepções e sofrimentos para os irmãos que vivem dessa forma. E o sofrimentos não são conseqüências apenas do preconceito de que são alvo os homossexuais, mas advém principalmente dos danos psíquicos ocasionados pelas relações conflituosas e em desequilíbrio, salvo raras exceções.
    Como é algo de difícil controle e geralmente são pessoas que sentem imenso prazer na prática, é muito mais fácil aceitar o círculo de idéias de que é normal, de que trata-se apenas de uma opção sexual, do que aquelas que o endereçam ao reformulamento de conceitos e ao esforço em modificar-se.
    Infelizmente, as idéias ditas “modernas” ganham força e os irmãos que necessitariam de uma ajuda grande no sentido do amparo, do amor e da compreensão do problema, são lançados na vida e estimulados a viver cada vez mais intensamente os desvios da sexualidade, trazendo sem dúvida problemas cármicos para futuras encarnações.
    Como viver a homossexualidade em conformidade com a Doutrina Espírita? Se a pessoa quer viver essa experiência, não estará exercitando o seu livre arbítrio?
    Sim, estará exercitando seu livre arbítrio, bem como quando ama ou odeia, quando estuda ou permanece ignorante, quando trabalha ou prefere a inércia etc. Todos somos imperfeitos e necessitamos de auxílio nos muitos aspectos da vida. O homossexual também o é. Tem um problema e pode tentar resolvê-lo ou fazer de conta que não o tem. Estará exercitando seu livre arbítrio da mesma forma. A mitificação do problema só serve para exacerbá-lo ainda mais, colocando essas pessoas como vítimas e não como criaturas que podem ser auxiliadas, se assim o desejarem. Claro que, se sentem-se felizes e querem vivenciar suas experiências de prazer carnal, deve-se respeitar isso. Porém, quem compreende os objetivos essenciais da existência do Espírito imortal, jamais poderá afirmar que esse é um comportamento normal ou que tal procedimento não trará conseqüências para a vida futura do Espírito.
    Jesus viveu entre adúlteros, cobradores de impostos e homens de má índole, não como um deles, mas para tirá-los da vida de erros em que se locupletavam por ignorância. Dizia “sede perfeitos” e não “continueis imperfeitos”. No episódio da mulher adúltera, após todos terem ido embora, disse: “vá e não peques mais”. Embora não tenha condenado a mulher, estimulou-a a deixar a vida de enganos. Poderia ter dito para continuar com a mesma vida para não ferir a suscetibilidade da mulher, “aceitando-a” entre os seus, mesmo com seus problemas morais. Mas agiu conforme a lógica de sua doutrina.
    não sou + espirita mas já fui durante 8 anos e Kardecista, fiz desenvolvimento mediúnico e achei o seu pedido , diferente do que me ensinaram quando estava lá. fui pesquisar e achei esta ai também a fonte , a não ser que a codificação espirita mudou,
    sou cristão, e a Biblia diz
    Romanos 1 – 22 ao 32
    22 Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos.
    23 E mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis.
    24 Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si;
    25 Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém.
    26 Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza.
    27 E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.
    28 E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm;
    29 Estando cheios de toda a iniqüidade, prostituição, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade;
    30 Sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais e às mães;
    31 Néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural, irreconciliáveis, sem misericórdia;
    32 Os quais, conhecendo a justiça de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem.
    e mostra perfeitamente que foi uma atitude dos homens, e que Deus discorda. da atitude.mas
    O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns a têm por tardia; mas é longânimo para conosco, não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se. 2 Pedro 3:9
    Agora, pois, melhorai os vossos caminhos e as vossas ações, e ouvi a voz do SENHOR vosso Deus, e arrepender-se-á o SENHOR do mal que falou contra vós. Jeremias 26:13
    E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra. 2 Crônicas 7:14
    Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça. 1 João 1:9
    Fonte; Biblia
    tem um texto mostrando onde esta a atitude que desagrada a Deus, e varios texto das atitudes que agradam a Deus.
    Pois Deus é Amor e Misericordia, basta o homem querer receber esse amor e essa misericordia, depende só do homem.

    D Lorca Feliz a nação de Jesus 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • eu acho que voce deveria entender mais a biblia

    obama 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • realmente tu postou uma biblia
    naum vou ler isso tudo
    mas acho que a biblia naum aprova os gays naum

    Diegão Quebra-OSSO 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • Que eu saiba, a bíblia diz:
    ” e se um homem se deitar com outro homem, como com mulher, ambos fizeram abominação”…
    Mas não é por isso q seremos preconceituosos, pois devemos amar a todas como a nós mesmos!!!
    Bem, eu não sou preconceituosa, apenas sou contra essa prática…
    Bjs

    Lola 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • Vc está tentando tanto provar isso que já se convenceu absolutamente que isso é verdade.
    Mas não é assim que se deve endender isso. O que vc está fazendo com os fatos é como se pegasse um relogio analógico, soltasse todas as peças, depois coloca num recipiente e tenta formar com essas mesmas peças um aparelho celular.
    Ou seja mudar a estrutura de duas coisas completamente distintas.
    Lamento te informar, mas isso não é possível. Como na minha ilustração, mesmo se passarem um milhao de anos, acho que vc nao conseguirá mudar isso, porque apenas acredita que pode.

    Hucara 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • a prosmiscuidade é maléfica em quem tenha religião ou não porque prejudica o corpo em qualquerr grau qto a bíblia aceitar os homoxessuais é a lógica pois deus é pai de todo mundo até dos promiscuos.

    diamonku 25 Fevereiro, 2010 17:30
  • vc ta afirmando coisa que nao sabe!
    nunca a biblia aprovaria isso!
    deixa de asneira!

    FABIO IRADO 25 Fevereiro, 2010 17:30