As Palavras do Senhor

A Biblia Foi Escrita Por Vários Autores Diferentes. Será Que Cada Um Deles Tinha Uma Concepção Própria De Deus?

Com certeza, uns eram letrados outros poucos tinha conhecimentos, ou intelectual-idade, mas escolhidos para escrever. Cada um tinha uma experiência pessoa com o “El Shadai” . É nítido ao ler os livros compilados de cada autor.
Por exemplo: Moisés estudou nas melhores faculdades da época pois
era para ser herdeiro do trono Egípcio. Era um intelectual e conhecedor de vários dialetos, no mínimo na época eram uns 200 ou mais.
Outro intelectual Salomão. Davi.
Outros menos como Obadia, Miqueias ou então Mateus, São João e Pedro.
A análise da exegese dos fatos é conclusivos.
E esse fatos influenciam as atitude e escritas. E a manaeira de análise de um Ser Único como o denominamos Deus.


Comments to A Biblia Foi Escrita Por Vários Autores Diferentes. Será Que Cada Um Deles Tinha Uma Concepção Própria De Deus?

  • Mais ou menos. Como a Bíblia é uma obra revelada, é mais apropriado dizer que o entendimento sobre Deus é que foi gradualmente sendo amadurecido. Isso explica certos trechos aparentemente violentos no Antigo Testamento.
    Um exame criterioso das Escrituras, revela que Deus, na verdade, sempre defendeu os mesmos valores, como a vida. Um exemplo está na marca de Caim, que proibia que ele fosse morto. Foi uma resposta ao “olho por olho, dente por dente” dos povos vizinhos. Outro exemplo está no impedimento do sacrifício de Isaac: foi a resposta ao costume de sacrificar os primogênitos, como faziam outros povos orientais.
    O estudo da Bíblia mostra um amadurecimento gradual na teologia. Os textos mais antigos, por exemplo, confrontam Iavé com outros deuses, sinal de que na época se aceitava que existiam vários deuses, mas que Iavé era o maior de todos. Textos mais tardios trazem Iavé como único Deus. Mas não se trata da concepção de uma única pessoa (até porque os livros são tradições orais compiladas por comunidades), mas de uma teologia de todo um povo que foi se desenvolvendo.
    E isso tudo para não falar na influência histórica – modo de vida tribal, monarquia, invasão assíria, divisão dos reinos, exílio na Babilônia, invasão dos macedônios, dos romanos, e por aí vai.

    Emanuel B 6 Junho, 2009 23:29
  • Cerca de 40 homens participaram na escrita da Bíblia. Estes homens fizeram a própria escrita da Bíblia, com exceção dos Dez Mandamentos, que foram escritos pessoalmente por Deus em tábuas de pedra, pela ação direta de seu espírito santo. (Êxodo 31:18) Contudo, isso não faz com que aquilo que escreveram não seja a Palavra de Deus. A Bíblia explica: “Homens falaram da parte de Deus conforme eram movidos por espírito santo.” (2 Pedro 1:21) Sim, do mesmo modo como Deus usou seu poderoso espírito santo para criar os céus, a terra e todas as coisas viventes, ele o usou também para dirigir a escrita da Bíblia.
    Isto significa que a Bíblia tem apenas um autor, Jeová Deus. Ele usou homens para assentar por escrito a informação, de maneira muito semelhante a como um empresário usa a secretária para escrever uma carta. A secretária escreve a carta, mas a carta contém os pensamentos e as idéias do empresário. De modo que a carta é dele, não da secretária, assim como a Bíblia é o Livro de Deus, não o livro dos homens usados para escrevê-la.
    Visto que Deus criou a mente, ele por certo não achou difícil entrar em contato com a mente de seus servos, para dar-lhes a informação a ser escrita.Hj, qualquer pessoa pode estar sentado em casa e receber msg do outro lado do mundo por meio da internet; tv; celular. A voz ou a imagem percorre longas distâncias pelo uso das leis físicas que Deus criou. Portanto, pode-se compreender facilmente como Jeová, de seu lugar longínquo nos céus, podia dirigir homens para escrever a informação que queria transmitir à família humana.
    O resultado foi um Livro maravilhoso. Na realidade, a Bíblia compõe-se de 66 livros pequenos. A palavra grega, biblia, da qual vem a palavra “Bíblia”, significa “livrinhos”. Esses livros, ou cartas, foram escritos durante um período de 1.600 anos, de 1513 A.E.C. a 98 E.C. Contudo, por terem apenas um só Autor, todos esses livros bíblicos têm harmonia entre si. O mesmo tema permeia todos eles, a saber, que Jeová Deus restabelecerá condições justas por meio de seu reino. O primeiro livro, Gênesis, fala sobre como se perdeu um lar paradísico por causa duma rebelião contra Deus, e o último livro, Revelação (ou Apocalipse), descreve como a terra será transformada novamente num paraíso pelo governo de Deus. — Gênesis 3:19, 23; Revelação 12:10; 21:3, 4.

    peregrin 6 Junho, 2009 23:29
  • Homens diferentes em épocas diferentes mas todos inspirados pelo mesmo Espírito Santo de Deus
    2 Pedro 1:21 porque nunca jamais qualquer profecia foi dada por vontade humana; entretanto, homens santos falaram da parte de Deus, movidos pelo Espírito Santo.
    1 Ts 2:13 Outra razão ainda temos nós para, incessantemente, dar graças a Deus: é que, tendo vós recebido a palavra que de nós ouvistes, que é de Deus, acolhestes não como palavra de homens, e sim como, em verdade é, a palavra de Deus, a qual, com efeito, está operando eficazmente em vós, os que credes.
    Lucas 1:70 como prometera, desde a antiguidade, por boca dos seus santos profetas,
    Atos 3:21 ao qual é necessário que o céu receba até aos tempos da restauração de todas as coisas, de que Deus falou por boca dos seus santos profetas desde a antiguidade.
    Hebreus 1:1 Havendo Deus, outrora, falado, muitas vezes e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas,
    2 nestes últimos dias, nos falou pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de todas as coisas, pelo qual também fez o universo.

    kyara 6 Junho, 2009 23:29
  • Amado amigo, Foram homens movidos pelo Espírito Santo , mas na hora da transcrição cada um escreveu o que quis.Haja visto Constantino ,mas mesmo este foi movido , pois graças a ele as pessoas afundaram mais na ignorância de que tudo acaba com a morte.Mas tudo isto faz parte do grande plano.Senão como vc pode ter o livre arbítrio de escolher a direita a esquerda ou o caminho do meio do equilíbrio?Nem tanto ao céu e nem tanto ao inferno apenas viver na terra da melhor maneira possível .Lógico que cada um pinta Deus como quer.E cada um do seu jeito por isso que vc vê o Deus vingativo do inicio e o cheio de amor depois portanto se A e B não foram conclusivos o certo é um terceiro , o C quiçá o quarto. afinal a cruz tem 4 pontas,então o quinto o D , o volante , o centro de Tudo e do nada . Qualquer veiculo tem um volante redondo pra que possamos nos momentos difíceis girar com maestria o comando .Então este novo Deus já não mais anda a pé , nem trabalha muito com as mãos mas sim com a cabeça srsrsr.E usa o seu equilíbrio pra que sempre tenha justiça na Terra mesmo que não a compreendamos porque este Deus atual é fiel , amoroso , e nos concede o direito de o julgarmos e não nos condenar porque alêm de ser Amor puro tb é comprensivo com nossas falhas pois tb ja falhou segundo a maioria de expertecs que temos rssrsr.Pois tudo na vida é construção e se um homem leva anos pra se preparar para ser alguem imagina um Deus o qto se prepara para ser magnanimo , oniscente , onipresente, imutavel etc.Honremos a Deus somos sua semelhança.Yzabar

    cmte.ola 6 Junho, 2009 23:29
  • Certamente. Conforme vamos evoluindo, vamos tendo concepções diversas, de acordo com os ainda muitos, ou os poucos véus restantes de ignorância que nos toldam a visão.
    Cada um de nós concebe Deus de acordo com as nossas próprias características (“o bom julgador julga por si”). Mas enquanto permitimos que muitos véus de ignorância nos iludam e enganem, Deus “”não será nada, nada, nada, nada do que nós pensávamos encontrar…”
    Para ter uma concepção mais próxima da realidade de Deus temos de nos despir de nossos preconceitos, de nossos ódios, de nossas sedes de vingança, de nossas mentiras, de nossas intrigas, de nossas soberbas, de nossos orgulhos, de nossas violências, de nossas invejas, de nossos ciúmes… São muitos “véus” que não nos permitem nem ao menos vislumbrar – quem – seja Deus. Por isso, o concebemos de acordo com nossas próprias imperfeições. Assim também era com os autores bíblicos. Porque embora todos acreditassem num Deus Único, os níveis de espiritualidade eram bastante diversos. Digamos, que alguns eram graduandos, outros, já graduados, outros mestrandos, outros já tendo concluído o mestrado – e, uns raros, doutorandos…

    iza barlopes 6 Junho, 2009 23:29
  • Que mandou escrever a Bíblia foi o Imperador Romano Constantino, para atender as agências do Sinédrio Palestino, no Conselho de Nicéia no ano 345 DC, escrita pelo padre Jerônimo, aprovando a elevação da divindade de Jesus e assim unindo as duas entidades O Império Romano e o inicio do Vaticano, que se fortaleceu explorando o cristianismo e o catolicismo… e assim abolindo o Antigo Testamento, sendo considerado heresia usa-lo…

    Silv@ Usuário POP 6 Junho, 2009 23:29
  • Lobo e filhote.
    Imagina uma Faculdade de Direito.
    Todos os professores são Mestres ou Doutores.
    Mas cada um é destacado para lecionar uma só disciplina do Currículo e essa Disciplina é ensinada em um ano determinado.
    Isso não quer dizer que o Professor de Direito Civil que leciona no Primeiro Ano é menos preparado do que outros que lecionam nos demais anos.
    A POPULAÇÃO ALVO é que está em um estágio inferior.
    Assim também na Vida Espiritual. TODOS PROFETAS eram seres divinos; IGUALMENTE ILUMINADOS, mas cada um veio para uma determinada época e uma determinada classe do desenvolvimento espiritual da humanidade.
    Por isso é que o Velho Testamento já passou. Temos o ÚLTIMO E, PORTANTO O MAIOR MESTRE DA HUMANIDADE:
    CRISTO JESUS!!!
    E é a ELE que devemos seguir.
    Podes crer, pois eu já tenho certeza.
    Felicidades.
    VR.
    E os religiosos ficam ainda pregando o Velho Testamento!!!

    NELSON 6 Junho, 2009 23:29
  • A concepção era a mesma. O modo de expressar é que era diferente. Você tem cinco dedos em cada mão. São todos seus e todos diferentes. Cada um dos seus órgãos realiza uma função diferente, mas são todos seus.
    Beijo do Tio.

    Velho Riozinho 6 Junho, 2009 23:29
  • Ola amigo !!!
    Segundo a própria Bíblia, o mesmo Espirito Santo inspirou todos os 40 escritores dela…
    Portanto, todos os autores tinham a mesma concepção de Deus !
    Abraço do Juquinha.

    Tio Lenha 6 Junho, 2009 23:29
  • Creio que, cada qual deve ter tido experiencias diferentes com Deus.
    Deus trata individualmente, de modo diferente com seus filhos.

    Juqui?h? 6 Junho, 2009 23:29
  • Se assim fosse ela não formaria uma doutrina. Você seria capaz de citar inconsistências e até mesmo contradições entre os autores dos Livros do Novo Testamento por ezemplo?

    Marco Antônio 6 Junho, 2009 23:29
  • O Paralamas deviam fazer outra musica …””o linotipista é o culpado….”””

    fifiti 6 Junho, 2009 23:29
  • ha isso é uma verdade muito verdadeia…rsrsrsrsrs
    O deus que eu amo nao e o mesmo deus que vc ama!!!
    Abraçossssssss

    kpc559b0 6 Junho, 2009 23:29
  • Será? Por que não? Parece, não? Deve ser, não é?

    Nadja 6 Junho, 2009 23:29