As Palavras do Senhor

Afinal A Biblia Fala Ou Não Fala De Religião?

Bom Dia
Ontem vi algumas opniões sobre esse assunto e pelo que pude ver muitos declararam não haver religião na bilbia. E neste caso, não havendo uma religião defendida na biblia, não existe argumentos com base nas escrituras para defender nossa Religião.
Porém gostaria de observar alguns pontos interessantes.
1 – A palavra Religião tem o seguinte significado “Prestar culto a uma Divindade”, ou seja, no caso de Cristãos, significa “Prestar culto ao Deus que criou o céus e a terra”.
Neste caso existem algumas declarações nas Escrituras, vejamos:
1 – Esta escrito, “E o Rei Davi desejou em seu coração construir um templo em Honra ao nome do Senhor”
Obs. Religião não é prestar culto?
2 – E disse Jesus, “Mulher é chegada a ora em que os verdadeiros adoradores do Pai o adorarão em Espirito e em Verdade. E são estes adoradores que o Pai procura”.
Obs. Neste caso, se religião é prestar culto a uma divindade, Jesus não esta falando de qual é a Religião esperada por Jesus (pois desejava agradar o Pai) e por Deus?
3 – Esta escrito, “Pedro, tu es Pedro e sobre esta pedra edificarei minha Igreja e as portas do Inferno não prevalecerão contra ela”.
Obs. Novamente Jesus não esta falando de Religião? Se não é verdade para que Edificar uma Igreja? Será que não é para Adorar ao Pai?
A biblia fala ou não fala de Religião? Se fala, qual é com base nas escrituras a vontade de Deus para nossa Religião?

COMENTÁRIOS FACEBOOK

Comments to Afinal A Biblia Fala Ou Não Fala De Religião?

  • Alex.
    Em lugar algum das Sagradas Escrituras encontrarás a palavra Religião, a não ser em uma das Epístolas dos Santos Apóstolos no sentido de religar, unir-se, dar atenção.
    Verdadeiramente ela procede de RE – LIGAR, UNIR NOVAMENTE e se acredita que tenha surgido com o desvio do Verdadeiro CRISTIANISMO com a fundação da ICAR, em 312/313 por Constantino.
    A Edificação da IGREJA DE CRISTO não representa a construção de um edifício para reunir a Comunidade.
    Nós somos Edifícios do DEUS VIVO.
    Cada um que pratica a Doutrina que ELE ensinou, é a Edificação da Igreja do Senhor.
    No teu n° 2 está bastante claro que o CRISTIANISMO seria ensinado em dois momentos distintos: Naquela época em que CRISTO JESUS estava ensinando pela primeira vez e em um futuro, quando seria restaurada Sua Doutrina da Salvação Eterna.
    E para não deixar ninguém confuso, ainda disse: Não se põe Vinho Novo em odres velhos, significando que a Restauração do Caminho seria algo bem diferente de tudo o que se tem tomado como CRISTIANISMO. A antiguidade não é atributo para ser considerada a depositária da Verdade, ao contrário…
    A PEDRA, rejeitada pelos construtores, a que veio a ser a PEDRA DE ESQUINA, a PEDRA FUNDAMENTAL da Comunidade era ELE MESMO e jamais Pedro como querem fazer supor.
    E, finalmente, a VONTADE DE DEUS é a LEI, estabelecida por DEUS em Moisés.
    Cada Mandamento representa UMA VONTADE DE DEUS.
    CRISTO JESUS veio levantar o VÉU, nos ensinando como podemos nos colocar em harmonia com a LEI.
    ELE transformou o pesado fardo em uma CRUZ leve de ser carregada.
    Espero ter ajudado.
    VR.

    Velho Riozinho 17 Agosto, 2009 11:38
  • A bíblia fala de uma religiosidade verdadeira, baseada nos ensinamentos do próprio Deus. A verdadeira religião ouve o que Ele nos tem a Dizer. Paulo para 1Timóteo1,3 “Para recomendares a alguns que não ensinassem doutrinas diferentes nem dessem atenção a fábulas.4,14 Não te descuides do carisma que está em ti, que te foi dado mediante uma profecia acompanhada da imposição das mãos dos presbíteros.
    2Timóteo2,2 O que ouviste de mim na presença de inúmeras testemunhas, transmite-o a pessoas de confiança, que sejam capazes de ensinar a outros.4,3 Pois vai chegar um tempo em que muitos não suportarão a sã doutrina, mas conforme seu gosto se cercarão de uma série de mestres que só atiçam o ouvido. E assim deixando de ouvir a verdade, eles se desviarão para fábulas. È necessário sim que exista uma religião que seja capaz de através dos séculos guardar a sã doutrina. Como se comprovou pelos manuscritos do Mar morto que a Bíblia por 2.000 anos não foi adulterada.

    Eureca 17 Agosto, 2009 11:38
  • A biblia fala sim da verdadeira pratica da religião.
    Tiago 1: 26,27 Se alguém entre vós cuida ser religioso e não refreia a sua língua ,antes angana o seu coração ,a religião desse vã. A religião pura imaculada para com Deus ,o Pai é esta: visitar os orfãos e as viuvas nas suas tribulações e guardar se da corrupção do mundo.
    Aui está a verdadeira religião quando visitamos os orfãos ,os orfãos são os abandonados ou seja aquele que não tem alguém para acolher, as viuvas são aquelas que está sozinha sem amparo de alguém etc… Será que a igreja realmente pratica a verdadeira religião indo ao encontros dos necessitados? E GUARDAR DA CORRUPÇÃO DO MUNDO É NÃ SE ENVOLVER NESTE MEIO.

    WP Robot Wordpress Plugin 17 Agosto, 2009 11:38
  • Graça e Paz meu irmão.
    Tiago 1. 26-27 ( Se alguém supõe ser religioso, deixando de refrear a língua, antes enganando o próprio coração, a sua religião e vã; A religião pura e sem macula, para com o nosso Deus e Pai é esta : visitar os órfãos e viúvas nas suas tribulações e a si mesmo guarda-se incontaminado do mundo ).
    Religião e um meio de adorarmos ao Deus vivo e único, são também, atitudes ou praticas relacionadas com o culto a Deus ou ao
    sobrenatural ( Atos 26.5; Tiago 1.26-27 ).
    Ao meu ver depende de pessoa pra pessoa, visto que o que e bom pra um, não e bom para o outro.
    A religião bem empregada ou seja com o verdadeiro direcionamento do
    Espírito Santo, só tem a beneficiar os que estão seguindo tal
    ensinamento da palavra de Deus, pois tende a fazer com que os seus
    seguidores possam ter uma maior aproximação de Deus em suas vidas.
    Mas sabemos que infelizmente muitas religiões estão deixando a deseja
    e com isto todos acabam por levar a culpa de erros que não estão
    cometendo.
    Mas Deus sabe de todas as coisas e julgara a cada um segundo a sua caminhada na terra.
    Paz do Senhor.

    Ágape 17 Agosto, 2009 11:38
  • esta escrito : “se me amas guardareis os meus mandamentos.”
    e so existe uma forma de que uma religião (prestar culto a um DEUS ou divindade) de maneira satisfatoria e é atraves da biblia .um grande exemplo na propria biblia sobre culto q nao agradou a DEUS foi no inicio com caim e abel quando DEUS pedio um sacrificio de um cordeirinho e caim por ser agricultor deu frutos e seu irmao abel deu um cordeirinho como DEUS pediu e DEUS se alegrou somente do sacrificiu de abel.
    então que possamos estudar a biblia e continuarmos a prestar um culto que DEUS se agrade
    martins

    Tiago Martins 17 Agosto, 2009 11:38
  • Religião
    Definição: Uma forma de adoração. Inclui um sistema de atitudes, crenças e práticas religiosas; estas podem ser pessoais ou ensinadas por uma organização. Usualmente, a religião envolve crença em Deus ou em diversos deuses; ou considera os humanos, os objetos, os desejos ou as forças como objetos de adoração. Grande parte da religião se baseia no estudo humano da natureza; existe também religião revelada. Há religião verdadeira e falsa.
    Segundo recente cálculo, concluiu-se que há 10 religiões principais e aproximadamente 10.000 seitas. Destas, umas 6.000 existem na África, 1.200 nos Estados Unidos e centenas em outros países.
    Muitos fatores contribuíram para o desenvolvimento de novos grupos religiosos. Há quem diga que as várias religiões representam todas elas modos diferentes de apresentar a verdade religiosa. Mas, uma comparação de seus ensinamentos e de suas práticas com a Bíblia indica, ao contrário, que a diversidade de religiões se deve ao fato de que as pessoas passaram a seguir homens em vez de escutarem a Deus. É digno de nota que, em grande parte, os ensinamentos que têm em comum, mas que diferem da Bíblia, se originaram na antiga Babilônia
    então para saber qual é a religião verdadeira é necessario estudar a biblia pois se uma religião pratica algo que abiblia não apoia ela é considerada falsa…pude ter a resposta a minhas perguntas por aceitar um estudo da biblia que é oferecido de porta em porta

    panda 17 Agosto, 2009 11:38
  • A RELIGIÃO, JESUS E A FILOSOFIA
    Religião = do latim = religare = reconciliação ou religação
    Vejam bem:
    a palavra é genérica e pode ser aplicada em diversos sentidos em seu teor original…
    No entanto, ela é aplicada comumente, em relação a Deus.
    Agora, entendam isso: RELIGIÃO É CANÔA FURADA!
    O que mais existe no mundo são “religiões” e suas tradições que são heranças culturais, práticas de meditações, orações, rezas, benzedices, deprecações, invocações, etc….
    Quase todas, em sua maioria dizem estar buscando a Deus (ou deuses) e assim, “RELIGANDO” seus relacionamentos com Deus ou “deuses”.
    Agora, veja o que Yeshua (Jesus) disse:
    João 14:
    6 Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.
    7 Se vós me conhecêsseis a mim, também conheceríeis a meu Pai
    Os “ditos ateus” usam como “pano filosófico” a seguinte dissertação:
    “ RELIGIOSIDADES SÃO TRADIÇÕES FAMÍLIARES QUE PRENDEM O SER AOS SOFISMAS E PARADIGMAS DE CONCEITOS HUMANOS…”
    Então, Jesus vem, e faz uma colocação tremenda, e que até concorda com tal premissa filosófica dos “ditos ateus” que apontam a “religiosidade” como conseqüência de relações e tradições (de pai para filho) herdadas pelo convívio social humano. Ele ensina em Mateus 10: 33 a 39 acerca da renúncia. Fica claro que Jesus ensina ali a necessidade dos homens:
    >> RENUNCIAR TRADIÇÕES RELIGIOSAS PATERNAS, CONCEITOS E INVENCIONICES MERAMENTE HUMANAS E HERDADAS DOS PAIS PARA OS FILHOS EM RELAÇÃO AO “DIVINO”…
    “Se você amar a pai e mãe mais do que a mim, não é digno de mim”… Ou seja: Se o homem amar as tradições religiosas herdadas ou impostas pelos pais, jamais poderão ser “seus discípulos”, e assim não estariam amando de fato – Suas verdades.
    >> A premissa ateística é verdadeira no ponto que exploram dizendo: “É isto que prende qualquer ser à crendices, tradições e enganos”.
    Não é a isto que estão presos a maioria??? Em tradições e ensinos de “pai para filho”? Lembro-me de um homem que dizia:
    “Eu entendi todas as verdades claras da Bíblia, mas sou católico, meus pais eram católicos, e por isso, ainda que tenha que ir para o inferno, vou morrer católico, pois minha esposa morreu católica, então, temo que ela tenha se perdido, e por isso, prefiro morrer e ir de encontro a ela”.
    Percebeu o sofisma e paradigma a que este pobre homem estava preso?
    Nestas circusntâncias dos sofismas, paradigmas e enganos religiosos…
    aparece então a vã filosofia defendida pelo “dito ateísmo”, que quebra o paradigma religioso, mas torna “o ser” – um alienado que foge da espiritualidade, para que não precise enfrentar “perguntas” cujas respostas eles temem…
    E acabam também se tornando vítimas de suas próprias “astúcias”, e ficam presos aos seus próprios conceitos, tornando-os vazios, sem esperança e sem sentido até mesmo de existirem. Ou seja:.
    Estão presos também a sofismas e paradigmas da própria indagação e mentalidade meramente humana.
    Então…
    Façam de Jesus – O ÚNICO QUE QUEBRA SOFISMAS, PARADIGMAS – O ÚNICO QUE TAMBÉM É: O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA PELO QUAL OS HOMENS PODEM SER REALMENTE, RELIGADOS AO DIVINO – O ETERNO DEUS!
    N’Ele – você encontrará convicções e certezas que religião nenhuma poderá te dar.
    Este conceito desmascara tradicionalismo católico, muçulmano, budista, espírita, ou qualquer outro, e define claramente: JESUS COMO: O CAMINHO (não “um caminho” aberto pela tradição humana, mas pela revelação de si mesmo) A VERDADE (Sua Palavra e ensinos), e a VIDA (seu exemplo, seu proceder, sua renúncia às tradições).
    Veja o que diz Jeremias 7:
    4 Não vos fieis em palavras falsas, dizendo: Templo do SENHOR, templo do SENHOR, templo do SENHOR é este.
    João 4:
    21 Disse-lhe Jesus: Mulher, crê-me que a hora vem, em que nem neste monte nem em Jerusalém adorareis o Pai.
    22 Vós adorais o que não sabeis; nós adoramos o que sabemos porque a salvação vem dos judeus.
    23 Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem.
    24 Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.
    Reflita sobre isto e não cometa o erro de apegar-se a tradicionalismos religiosos dizendo: TEMPLO DO SENHOR É ESTE…
    Deus não se prende a placas ou tradições…
    Ele busca adoradores que o adorem “EM ESPÍRITO E EM VERDADE!”
    Um abraço!
    Waldir Alves

    Waldir - SHALOM ADONAI ECHAD! 17 Agosto, 2009 11:38
Loading...