As Palavras do Senhor

Faz Parte Tambem Do Livre-arbitrio Não Só Seguir A Religião, Mas Tambem Abandona-la.leia Mais E Opine,ok?

Se o homem foi agraciado pelo livre arbitrio no qual lhe faculta seguir a palavra contida nos sagrados livros, por outro lado ele tambem poderia não seguir nenhum ensinamento e estaria tudo certo. Porem não é nada disso. Na doutrina cristã reza que aquele que não seguir o ensinamentos terá a morte. Como em Levitico 24, 16 que diz “ e aquele que blasfemar o nome do senhor, certamente morrerá. Toda a congregação certamente o apedrejará“.
Para um bom entendedor meia palavra basta. Assim fica claro que que o texto acima é uma imposição, pois se voce blasfemar, ou seja duvidar ou questionar sobre a existencia de deus, ou xingar algo, voce está lascado. Isso é sim uma advertencia. Agora imagine para quem sempre foi catolico, fiel, e ler algo tão assombroso assim.Dê a sua opinião


Comments to Faz Parte Tambem Do Livre-arbitrio Não Só Seguir A Religião, Mas Tambem Abandona-la.leia Mais E Opine,ok?

  • Querido Mr. Argon!
    Creio que há uma confusão na interpretação do que é o livre arbítrio.
    Deus criou o mundo harmonicamente, com as leis da Natureza.
    Tudo o que infringe estas leis tem consequências, leva a um desequilíbrio.
    Existe a Lei da Gravidade: se você desobedecê-la e se atirar de um prédio bem alto você irá esborrachar-se embaixo!
    Você tem a opção de pular do prédio ou não e você sabe que há consequências.
    Deus deixa bem claro para o homem: existem as Leis para o nosso próprio bem.
    Quem a seguir, tudo irá bem.
    Quem não seguir, sofrerá as consequências.
    E você pode escolher.
    Portanto…
    Outro exemplo: você sabe muito bem que o fumo causa muitos problemas de saúde para você e para os que convivem com você.
    Você pode escolher entre não fumar e fumar.
    Resolve escolher fumar, mesmo sabendo das consequências.
    Prejudica você e os seus próximos!
    Quanto ao texto de Levítico, você deve lembrar-se de que este texto é uma “ordenança” válida para aquela época (1.500 a. C.), para aquele povo (israelitas), para aquele contexto (fugindo dos egípcios e vagando no deserto).
    Ali era necessário um regime “militar” severo, uma rígida disciplina para que o povo não degringolasse.
    Agora, compare o texto de Levítico com o texto de João 8:1 a11, quando trouxeram a Jesus um mulher adúltera.
    Este texto foi escrito no primeiro século da era cristã.
    “E, endireitando-se Jesus, e não vendo ninguém mais do que a mulher, disse-lhe: Mulher, onde estão aqueles teus acusadores? Ninguém te condenou?
    11 E ela disse: Ninguém, Senhor. E disse-lhe Jesus: Nem eu também te condeno; vai-te, e não peques mais.”
    Viu a diferença?
    Isto é, se você se dispuser a realmente a entender o assunto ou não só levantar uma polêmica!
    Um abraço, meu querido Mr. Argon!

    Vovó (Grandma) 26 Outubro, 2009 20:27
  • Livre arbítrio é a prerrogativa de se poder escolher nossas decisões, Deus nos deixa à vontade para escolhermos a quem nos devotamos, mas alerta para o castigo de se fazer isso irresponsavelmente, se uma pessoa que jamais ouviu a respeito de Deus morrer em seu pecado ele será condenado, imagine agora quem ouviu falar e teve a oprtunidade de crer corretamente, decidir que não o fará, maior castigo lhe está reservado, portanto precisamos atingir os objetivos ao escolhermos servir a Deus, o exemplo bíblico não é uma imposição, mas a demonstração da consequência. Deus te abençoe!!!

    I need. 26 Outubro, 2009 20:27
  • Livre arbítrio = voce pode fazer o que quiser
    Há muitos que não seguem religião nenhuma e vivem completamente dentro das leis divinas, as religiões podem lhe apresentar uma consequencia caso voce viva fora das leis de Deus, mas se voce vive as leis de Deus, então voce não deve nada, siga o que voce quiser, em especial, dentro das leis morais e espirituais, obedecendo sempre as leis divinas.
    Fica na Paz

    - aprendiz de cocadeirO 26 Outubro, 2009 20:27
  • Oi!
    Estudei muito sobre a fundação e a origem da Igreja Católica. A grande questão aqui não são os católicos, ou os padres, pois somos todos semelhantes e pecadores, mas o que pesa é a questão da doutrina católica que está alicerçada em dogmas totalmente contrários a Sagrada Palavra do Nosso Senhor Deus de Israel.
    Jesus disse-lhes: Errais, não conhecendo as Escrituras, nem o poder de Deus. (Mateus 22.29) E TAMBÉM houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição. (II Pedro 2.1)
    Quem se habitua a ouvir heresias acaba se acostumando com elas e caindo nas ciladas do inimigo. Estas coisas são passadas para as pessoas com mansidão e tranqüilidade, com ar de caridade e fraternidade próprias de um ser que é capaz de se transfigurar em anjo de luz para enganar, mentir e roubar. Destas coisas eu prefiro passar muito longe.

    Carlos M 26 Outubro, 2009 20:27
  • Todos podemos nos salvar, mas bem poucos serão. Como explicar isso? Na casa de Deus existem muitas moradas, mas poucos são os que entram pela porta estreita (o Caminho), como explicar isso?
    Explico: O homem tem dentro de si coisas, que diferem de uns para outros e que, quando descobre estarem em desacordo com a determinação de Deus podem lutar contra elas (porta estreita) ou duvidarem da palavra de Deus, ou adaptarem, moldarem, interpretarem essas palavras às suas próprias concupiscências (portões largos).

    cacounge 26 Outubro, 2009 20:27
  • Deus nos concedeu a LIVRE ESCOLHA entre seguirmos O BEM ou seguirmos O MAL. O ser humano recebeu de Deus O EVANGELHO e os seus MANDAMENTOS, para que por eles vivesse. Porém, aqueles que resolvem deliberadamente seguir o caminho do mal MORRERÃO.
    DEUS É JUSTO E BOM.

    Sergio M 26 Outubro, 2009 20:27
  • Não é pregado o livre arbítrio pois ou voce vai no único caminho ou escolhe o outro caminho mas será castigado e ira para o inferno. Não vejo livre arbítrio nisso

    rhinestones 26 Outubro, 2009 20:27
  • TUDO VOS É PERMITIDO! AVALIAI E FAZEI AQUILO Q VOS TORNARÁ SEMPRE LIVRES E Q Ñ VOS ESCRAVIZE!
    Somente Deus o libertará.
    “Quanto mais praticar o bem, mais a pessoa se torna livre. Não há verdadeira liberdade a não ser a serviço do bem e da justiça. A escolha da desobediência e do mal é um abuso de liberdade e conduz à “escravidão do pecado”. (Catec. da I.Católica AR – 1733)
    “Graças a Deus, porém, que, depois de terdes sido escravos do pecado, obedecestes de coração à regra da doutrina na qual tendes sido instruídos. E libertados do pecado, vos tornastes servos da justiça” (Rom 6, 17)
    É um tipo de dicotomia ou ambiguidade, segundo outros um dilema.
    Vc ter que escolher o bem para se fortalecer para não ficar preso ao pecado, parece mesmo ser um dilema PQ PARECE UMA OBRIGAÇÃO.
    TEMOS ENTENDER Q ANTES DE TUDO DEUS É PAI E QUER O NOSSO BEM. EM PRIMERIO LUGAR ELE NOS AMA, DEPOIS NOS ENSINA
    Mas, somente nos tornamos realmente livres na liberdade com Deus e não na liberdade de escolha que o Pecado nos oferece. Uma opção (A DO BEM) nos leva à perfeição em Deus e uma alegria incontida e enorme porque o objeto do Amor é o Bem mais Preciosos, e também o Homem(gênero humano) quando é amado por amor a Deus.
    E a opção para o mal nos LEVA Á PRISÃO:
    DOS VÍCIOS, DAS IDOLATRIAS, DA VIOLÊNCIA, DA GANÂNCIA, DA BELEZA, DA SEXUALIDADE, DOS GOZOS TERRENOS, DO ÓDIO, DA INVEJA, DA IRAB
    Quando a pessoa ñ têm parâmetros do bem ou do mal e assim tomará qualquer decisão que lhe vem à mente ele estará aos poucos se envolvendo com o mal.
    O ácool faz mal para o corpo humano. A quantidade que precisamos já existe nos alimentos, nos sucos. E assim acostumando-se a beber estar-se-á preferindo o mal ao bem !
    No fundo, no fundo não há meio termo. E feliz da pessoa quando ainda pensa em opções. É porque Deus lhe está tocando o coração: é o Pai, é o Espírito Santo que dá inspirações é Jesus que lhe dá mensagens, a boa nova e especialmente deu-se inteiramente, o Seu Sangue para nos salvar.
    Se vc ñ tiver opções de escolha q lhe permite o livre arbítrio, automaticamente só existe uma outra opção a do ‘determinismo’, ou seja, q um certo deus já lhe traçou sua vida!
    OU SE ADOTA O LIVRE ARBÍTRIO OU SE ACEITA O DETERMINISMO!
    O indivíduo Q não tem mais opções É AQUELE, POR EXEMPLO, q já está no fundo do poço, nas trevas e só sabe fazer o mal para si próprio e para todos q o envolve.
    Este infelizmente não têm mais chances, muitos deles, porque tiveram a opção de escolha como vc está colocando, mas ñ aceitaram a mão de Deus, q é uma opção para a LIBERDADE. E SE faz tudo contrariamente a Deus, mesmo falando em um deus qquer, num deus pequeno que não pode ajudá-lo nas suas angústias tb ñ resolve pq ele pode querer resolver as coisas na base da violência ou na base humana.
    Então diz: fique com deus e deus me proteja. Mas infelizmente ele não pode oferecer Deus para ninguém porque não tem para dar e nem pode receber a proteção porque Ele somente ama a quem o ama e teme somente.
    AFINAL DEUS NOS CRIOU PARA AMÁ-LO. E CONTEMPLE O DEUS Q JESUS APRESENTOU, AQUELE QUE SE PREOCUPA COM TODAS AS OVELHAS, ATÉ COM A CENTÉSIMA Q ESTÁ PERDIDA. UM DEUS QUE QUER QUE SEJAMOS LUZ E SAL. Q NOS SEJAMOS ATÉ SER CAPAZ DE DAR A VIDA PELO INIMIGO, PQ ELE DIZ Q MAIOR AMIGO É AQUELE Q DÁ A VIDA PELO AMIGO. E COMO ELE MANDOU AMAR O INIMIGO, ENTÃO O INIM IGO PASSOU A SER AMIGO! ESQUEÇA-SE DE UM DEUS VINGATIVO!
    E AÍ ESTÁ A ESCOLHA. QTO MAIS ESCOLHER O BEM MAIS SERÁ LIBERTADO, MAIS ESTARÁ NA PUREZA DE ESTAR NA PRESENÇA DE DEUS AQUI E DEPOIS, NA ETERNIDADE FELIZ!
    O RESTO É O INIMIGO, É CONFUSÃO!
    Abçs

    edison DEUS PROTEÇÂO PAZ TOTAL 26 Outubro, 2009 20:27