As Palavras do Senhor

Há Similaridades Entre A Pluralidade De Santos Catolicos E Uma Religião Politeísta?

A igreja católica tem inúmeros santos intercessores e um deus supremo, a religião hindu por exemplo tem tambem um deus supremo e vários santos.
A igreja catolica tem os santos protetores de isso e aquilo enquanto a hindu tem os deus protetores disso e aquilo.
POde-se dizer que os santos na igreja catolica ocupam o lugar dos deuses de uma religiao politeista?


Comments to Há Similaridades Entre A Pluralidade De Santos Catolicos E Uma Religião Politeísta?

  • sim,a igreja católica insiste em criticar ao longo dos anos culto de outras religiões que possuem diversos deuses,sendo que ela mesmo faz comempressãoamos a impressao que os santos(seres até dignos de respeito,por sua fé)são deuses ,criando oracões e cultos para estes ,falando mais destes do que do criador.uma observasão:o fato de nossa senhora(maria)ter consebido jesus,nao da o direito da igreja adorar ela.deus diz claramente na bíblia para nao adorarmos idólos,mas a própria igreja que se diz sagrada o faz

    Profeta D 17 Maio, 2009 2:28
  • Não. O Catolicismo não parte das mesmas origens nem da mesma tradição que a religião hindu. Na Igreja Católica, os santos não são deuses. Só há um Deus, único capaz, por exemplo, de operar milagres. Santos não têm poder para operar milagres, eles apenas pedem para que Deus o faça. A idéia de santo protetor vem da tradição popular, herdada dos “lares” romanos e dos costumes gregos. Mas o santo protetor é aquele que, de alguma forma, identifica-se com a súplica de quem pede. Exemplo na Divina Comédia: Dante sofria dos olhos, pelo excesso de leitura à pouca luz. Então Santa Luzia pede por ele – ela, que teve os olhos arrancados.

    peregrin 17 Maio, 2009 2:28
  • Não! A religião católica é monoteísta, tem um só Deus, a reverência aos santos é apenas e tão somente uma forma de fazer mémória a pessoas que por seu modo de vida se tornaram realmente seguidores dos ensinamentos de Cristo.
    Já que a pergunta fala em similaridade podemos dizer que é como ter a foto de um ente muito querido que já morreu, a foto faz memória a tudo que ele representou aos seus. Assim é a relação dos católicos com os santos.

    Drica 17 Maio, 2009 2:28
  • Não, pois os santos, para os católicos, são bons exemplos a serem seguidos. São encarados como humanos virtuosos, não como deuses.

    Anónimo 17 Maio, 2009 2:28
  • NENHUMA!
    Não existe o politeísmo na Igreja católica. Deus é um só. Os Santos, assim como Anjos, estão num nível inferior a Deus…não são deuses, mas Divindades.

    Anónimo 17 Maio, 2009 2:28
  • Não porque os santos não são Deuses

    - aprendiz de cocadeiro 17 Maio, 2009 2:28
  • Com certeza!
    Na Grécia antiga, cada um dos “falsos deuses” tinham como representação uma imagem escúlpida, e cada um era um deus específico para cada um dos idólatras que assim os buscavam:
    Quem assistiu ao filme tróia, viu que os gregos invocavam deuses para protegê-los no mar…No candomblé, umbanda e no catolicismo, a prática é a mesma, só mudam os nomes. E engraçado é que a invocação de espíritos animistas (a Bíblia diz que são espíritos malignos e enganadores de Satã), é respectivamente representados pelas mesmas imagens de gesso dos católicos.
    Veja:
    Veja como as cinco principais entidades do candomblé e da umbanda se relacionam com as católicashttp://mundoestranho.abril.com.br/edicoe…
    ORIXÁ: Iemanjá
    SANTA CATÓLICA: Nossa Senhora da Conceição
    Iemanjá é a deusa dos grandes rios, mares e oceanos. Na umbanda, ela é cultuada como mãe de muitos orixás e identificada com Nossa Senhora da Conceição — uma das manifestações católicas da Virgem Maria, mãe de Jesus.
    No candomblé, ela é representada como uma negra e usa roupas africanas
    ORIXÁ: Iansã
    SANTA CATÓLICA: Santa Bárbara
    Esposa de Xangô, a Iansã do candomblé e da umbanda é a deusa dos raios, dos ventos e das tempestades.
    Na doutrina católica, ela corresponde a Santa Bárbara — também uma protetora contra raios, tempestades e trovões
    ORIXÁ: Xangô
    SANTO CATÓLICO: São Jerônimo e São João
    Tanto para o candomblé quanto para a umbanda, Xangô é o deus do trovão e da justiça. Ele é associado a dois santos católicos: São Jerônimo, que no final do século 4 traduziu alguns livros da Bíblia do hebraico e do grego para o latim, ou São João, que pregava a conversão religiosa e batizou Jesus
    ORIXÁ: Ogum
    SANTO CATÓLICO: Santo Antônio e São Jorge
    Para a umbanda e o candomblé, Ogum é o orixá da guerra, capaz de abrir caminhos na vida. Por isso, costuma ser identificado com Santo Antônio, o “santo casamenteiro”, ou com São Jorge, santo guerreiro que é representado matando um dragão
    ORIXÁ: Oxalá
    SANTO CATÓLICO: Jesus
    Na umbanda e no candomblé, Oxalá é a divindade que criou a humanidade — por isso, ele se equivale a Jesus, uma das manifestações do Deus triuno do catolicismo (pai, filho e espírito santo). Além de ter modelado os primeiros seres humanos, Oxalá também inventou o pilão para preparar inhame e é considerado o criador da cultura material
    P.S.: Este “Jesus de gesso”, citado na reportagem, em nada tem a ver com O JESUS DOS EVANGÉLICOS E BÍBLICO, pois o Jesus bíblico, proíbe fazer imagens de esculturas até D’Ele mesmo, pois Jesus cumpriu toda a LEI DE DEUS, que diz: “NÃO FARÁS PAR TI, IMAGENS DE ESCULTURAS”…
    Católicos: Os da umbanda e do candomblé reconhecem que trabalham com espíritos e orixás… E vocês, quando desobedecem a Palavra de Deus, para acreditar nos dogmas papais, o que será que estão invocando???
    A Bíblia católica diz em Deuteronômio 18: 09 a 14 – É proibido tais práticas e invocações de pessoas mortas.
    Como fica???

    Waldir Baruch-SHANÁ TOVÁ UMETUKÁ 17 Maio, 2009 2:28