Home » Sobre a Biblia » Onde Esta Na Biblia Que Maria Foi Assunta Ao Ceu?

Onde Esta Na Biblia Que Maria Foi Assunta Ao Ceu?

aonde esta na biblia que maria foi de corpo e lama pra ceu…de alma tudo bem, ela por ser mae de jesus, foi escolhida por ser uma crente fiel, de vida de oração, enfim de um vida certa…então fio pra ceu, mas seu corpo aguarda o julgamenot final assim como todos os outros que morreram….
onde ta na biblia quero provas…

Temas relacionados:

  • tuca ventura

    Não existe em toda a Bíblia qualquer referência sobre o que perguntou, Maria foi tida como santa sim, foi escolhida por Deus para ser a mãe de Jesus sim, criou e ensinou a Ele tudo o que precisaria para poder cumprir sua missão de Salvador do mundo, mas ela não foi reverenciada como santa por ninguém, tanto é que não há relatos sobre ela e nem sobre José ou qualquer outra pessoa da família deles, está aguardando sim no pó da terra a 2ª vinda de Cristo quando ouvirá a voz do anjo chamando-a na 1ª ressurreição que é a dos justos, isso como qualquer outra pessoa que dormiu em Cristo Jesus o sono da morte…..

  • Nada e ninguém

    Isso não esta na bíblia não, mas isso não prova nada de nada.
    TT

  • .

    A BIBLIA NÃO DIZ NADA SOBRE ISSO, A TRADIÇÃO CATÓLICA QUE DISSE ISSO!

  • Alessandro C

    Acho que vou o único a responder….
    Está nalgum rodapé..talvez.
    No texto não está.
    Abraços
    :)
    .

  • Michele G

    O Apocalipse é um dos mais belos livros da Bíblia. Entretanto, devido ao fato de ser composto por milhares de símbolos, é tão difícil, e, uma interpretação ao pé da letra, fundamentalista, o torna assombroso e evitado.
    Na I leitura da missa deste domingo, no qual a Igreja comemora a Assunção de Maria, lemos uma pequena parte de Ap 12, texto famoso onde aparece uma batalha no céu entre uma mulher e um dragão. É este texto que agora vamos interpretar.
    João apresenta à assembléia um “sinal” que devemos decodificar e aplicá-lo à realidade; um sinal de grande importância, como nos indica o “grande” que o acompanha. É dever da Igreja interpretá-lo.
    Na dimensão que é própria de Deus, no céu, aparece uma “mulher”, que no grego, significa imediatamente, esposa e mãe, e nos faz pensar à aliança de Deus com o seu povo, muitas vezes expressas em termos de amor nupcial, como é o caso também do Apocalipse.
    Vestida de sol porque cheia da glória de Deus; com a lua sob os pés porque já na eternidade, a lua tinha a função de regular o desenvolvimento do tempo no AT. E neste contexto de eternidade já conseguida, ela tem uma coroa de doze estrelas na cabeça. A coroa como símbolo de vitória (vocabulário grego próprio para a corrida olímpica onde os ganhadores recebiam uma coroa de louro). A esta altura, as doze tribos de Israel não são somadas aos doze apóstolos, mas se sobrepõem, mostrando a unidade do povo de Deus. Mas, quem é esta mulher?
    A assembléia eclesial que com muito esforço decifra o sinal à luz do AT já intuiu: trata-se do povo de Deus, visto nas suas dimensões transcendentes. A assembléia se enxerga estupefata com alegria nesta cena. Mas, o sinal não termina aqui. O quadro parece mudar bruscamente, mesmo se a protagonista, a mulher, permanece. Ela está em trabalho de parto. A fecundidade que a palavra “mulher” indica, agora é explicitada. Esta mulher está para dar à luz, não obstante os obstáculos que deverá enfrentar. Será que ela dará à luz realmente? Quem será o filho?
    O autor deixa-nos com muitos interrogativos? Para compreender o sentido do parto é indispensável compreender um outro sinal, contraposto ao primeiro, pois facilita a interpretação: um imenso dragão cor de fogo, cor que evoca destruição e morte. Ele age entrando na história humana, especialmente atiçando nas realidades que dão tom à vida dos outros: são as estruturas, os centros de poderes (as cabeças com os diademas). Esta monstruosidade de negatividade demoníaca e maldade humana se opõem ao parto da mulher e têm a intenção de destruir o seu filho. O simbolismo complica, pois a pergunta era: o que significa o parto? Agora: por que este filho é este tão odiado?
    João finalmente nos dá uma resposta que ilumina: um filho homem, que veio para governar todas as nações com cetro de ferro. Quanto a isto, não resta dúvidas. O filho é Cristo. Mas, Cristo projetado no futuro escatológico, no final da história da salvação, quando terá a vitória final sobre o mal. É um Cristo que nasce da Igreja. A assembléia se identifica com a Igreja e com a mulher: exatamente ela, deverá, com muita fadiga, dia após dia, anunciar Cristo. Como Paulo mesmo diz: “Meus filhos, por vós sinto, de novo, as dores do parto, até Cristo ser formado em vós” (Gl 4,19).
    A pergunta agora é: o que significam, então, as tentativas da Igreja em confronto com os elementos hostis do mundo moderno? Não seria ilusório sonhar em anunciar, no esforço cotidiano, o Cristo em crescimento que derrotará definitivamente o mal, quando o mal é hoje tão potente e a assembléia litúrgica tão limitada?
    O autor nos dá uma resposta: “mas o filho foi levado para junto de Deus e do seu trono. E a mulher fugiu para o deserto, onde Deus tinha preparado um lugar”. O que a Igreja consegue fazer, por mais limitado que seja e aparentemente em vão em confronto com o ambiente na qual esta se encontra, pertence a Cristo e isto não será perdido. O fruto deste parto doloroso da Igreja é levado pra junto de Deus, posto num lugar protegido pelo poder de Deus. Nenhuma força humana, nenhuma força demoníaca poderá destruí-lo.
    A mulher, porém, foge para o deserto. No AT, este era o lugar do amadurecimento na relação entre Deus e seu povo. A Igreja deverá sentir o deserto, cansaço no caminho, esperança e confiança; também poderá significar aquela constatação de autenticidade que virá das provas e das perseguições. Mas, sobretudo deverá expressar um amor absoluto e radical.
    Quem é esta mulher? É a Igreja, já falamos. Mas, existe uma continuidade na obra de João entre a “mãe de Jesus” e a “mulher” no IV evangelho, por um lado, e a “mulher” do Apocalipse 12, por outro. A “mãe de Jesus” que ele chama “mulher” em Jo 2,4 evoca a Igreja, da qual, Maria, Jesus e os discípulos representam a primeira realização. O termo “mulher” aparece depois da pergunta provocante de Jesus sobre a sua relação com Maria (Mulher, o que tenho a ver contigo?), faz alusão a “hora” de Jesus. Mais adiante, a “hora” de Jesus qualifica a “mulher” e lhe dá uma explicação. Mediando entre mãe física de Jesus e mãe espiritual dos discípulos (Mulher, eis aí o teu filho!), o termo “mulher” liga Maria “a Igreja, que já é constituída pelos discípulos de Jesus. A mãe de Jesus aparece, de fato, em função da Igreja. Acolhida na Igreja de João, exercita a sua função de maternidade e convida a Igreja a ver-se nela. Neste sentido, ela se identifica com a Igreja.
    Estas designações “mulher” e “mãe de Jesus” vão aparecer com todo o seu significado no Apocalipse. A Igreja, espelhando-se em Maria, descobrirá a sua identidade e a sua função de geradora e anunciadora de Cristo na história. Então, a Igreja pode se autodenominar, “a mulher”.
    Esta interpretação dá um grande suporte para o dogma da Assunção de Maria, como aquela que já completou a corrida e obteve a coroa da vitória, imagem do que todos nós almejamos. Se prescindirmos, porém, de todo o valor da figura “mãe de Jesus – mulher”, não entendermos toda a riqueza da “mulher” do Apocalipse, mesmo que salvemos o elemento eclesial. Pois, compreendemos adequadamente a mulher-igreja relacionando-a a Maria.
    Maria é a imagem da Igreja. Maria é mãe de Jesus no sentido mais amplo do termo: é mãe física de Jesus e se torna mãe moral favorecendo o crescimento nos discípulos. Assim, é posta em contato direto com a Igreja-mulher da qual constitui o símbolo ideal e na qual poderá reconhecer-se: a maternidade da Igreja que levará Cristo na história prolonga a maternidade de Maria.
    A mulher do Apocalipse, portanto, é cada um de nós (Igreja), que, a exemplo de Maria, devemos, não obstante os obstáculos e as perseguições (dragão), anunciar a Boa Nova da salvação de Jesus Cristo (Filho com cetro de ferro) para todo o mundo.

  • Gibi

    Quem pergunta se no filme da Xuxa houve penetração e faz uma pergunta com essa complexidade… só pode ser dan!!!!

  • Samir

    Fofa,apesar de vc ser BURRA,voce DEU(hahha) uma dentro
    Nao ha na Biblia ou Coran que Maria subiu aos Ceus e nem tao pouco k devemos adora-la.Antes de ela nascer ela ja era
    escolhida por DEUS. O Coran NAO fala da mulherada do antigo testamento mas MARIA tem la seus misterios.O anjo
    Gabriel veio a ela e a mulher NENHUMA,fez tal saudacao.
    Espirito Santo desceu sobre ela para evitar k ela se contaminasse com pecado.E ta escrito:TODAS AS GERACOES ME CONSIDERARAO BEM-AVENTURADA.
    Porem,nem mesmo no Coran,diz k ela foi ao Ceu.Jesus e o caminho para levar as pessoas a DEUS,mas NAO a Ele.

  • http://www.screenwritingtips.com Screenwriting Tips

    Deve está em algum diário do papa!!
    E outra a pessoa dai di cima disse que a mulher do apocalipse é a Maria, FALSO.
    A mulher vestida de sol e com a lua debaixo dos pes e com 12 diademas representa israel com suas 12 tribos e a lua e sol representa opovo de Deus (mateus : vós sois a luz do mundo)

  • whiteeds

    essa foi otima! coléga nem se eles quizessem xucharrrr isso na Biblia eles ñ teriam respaldo para isso! essa iditisse começou nos primeiros seculos quando um retardado resolveu que maria nem chegou a morrer e depois de mae de Jesus ela foi promovida a mae de Deus, teria ridicula que contraria completamente a obra vincaria de Cristo!

  • Angel

    Creio que Maria morreu e como todos os seres Humanos, foi enterrada. Sua alma não foi ao Céu e certamente ela não está do lado de Deus. Portanto é inútil fazer presses a sua imagem e a tantas outras, pois maria não pode ouvir. A bíblia fala que o único unipotente, uniciente, e unipresente é Deus. A verdadeira Maria se encontra a espera do retorno de Cristo como todos nós.
    Tudo indica que essas aparições e suas supostas imagens são artimanhas do diabo.
    Repetimos : Não odiamos Maria , mãe de Jesus . Só queremos vê-la no seu próprio lugar indicado na Bíblia . como poderíamos odiar Maria ? É uma acusação ,sem fundamento . Em toda a literatura evangélica sobre a identidade de Maria não pode ser encontrado algo que possa justificar essa acusação tão absurda . Amamos Maria como a mãe de Jesus como apresenta a Bíblia .
    Nesse confronto verificamos que os títulos e honrarias prestados a Jesus na Bíblia são transferidos a Maria , colocando-a , em diversas oportunidades , como alguém que se deve recorrer , de preferência , á pessoa augusta e soberana de nosso Senhor Jesus Cristo . Pedro recomenda , “Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador , Jesus Cristo . A ele seja dada glória , assim agloria , como no dia da eternidade.” Quando conhecemos melhor o Jesus da Bíblia não podemos concordar com os títulos e honrarias que se prestam a Maria , pois acreditamos que nem mesmo Maria aceitaria a transferência para ela das honras que são exclusivas ao seu Filho – nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo .POSIÇÃO DE MARIA NA BÍBLIA
    Diz a Igreja Católica :
    “Maria é , portanto , essa excelsa mulher forte que venceu o demônio e , em lhe abatendo a soberba , lhe esmagou a cabeça , conforme as palavras do Senhor Ela te esmagará a cabeça.” (pagina 122)
    “Por isso o recorrer a Maria é um meio seguríssimo para vencer todos os assaltos do inferno . Ela é também Rainha do inferno e senhora dos demônios , pois que os subjuga e doma .” (pagina 123)
    “Oh ! quanto tremem de Maria e do seu grande nome os demônios do inferno !” (pagina 124)
    Diz a Bíblia :
    “Senhor , pelo teu nome , até os demônios se nos sujeitam . Eis que vos dou poder para pisar serpentes , e escorpiões , e toda a força do Inimigo , e nada vos fará dano algum .” (Lucas 10.17,19)
    “E o Deus de paz esmagará em breve Satanás debaixo dos vossos pés . A graça de nosso /senhor Jesus Cristo seja convosco . Amém ! (Romanos 16.20)
    Diz a Igreja Católica :
    “Ide a Maria ! O Senhor decretou não conceder favor algum sem a mediação de Maria . Por isso nas mãos dela está nossa salvação .” … “Quem é protegido por ela se salva : perde-se quem o não é .” (página 144)
    “Que seria , pois , de nós que esperança de salvação , se nos abandonásseis ó Maria , vida dos cristãos ?” (página 145)
    “Ao mesmo tempo está fora de dúvida que pelos merecimentos de Jesus Cristo foi concedida a Maria a grande autoridade de ser medianeira da nossa salvação …” … “Como não ser toda cheia de graça , aquela que se tornou a escada do paraíso , a porta do céu e a verdadeira medianeira entre Deus e os homens ?” (pagina 131)
    “Maria foi dada ao mundo a fim de que por seu intermédio , como por um canal , até nos corresse sem cessar a torrente das graças divinas .” (pagina 135)
    “Em vão procura Jesus quem não procura acha-lo com sua Mãe .” (pagina 139)
    “Garante-nos Jesus Cristo que ninguém pode vir a ele , a não ser o Pai o traga . O mesmo também , diz Jesus de sua Mãe . Ninguém pode vir a mim , se minha Mãe o não atrair com suas preces . Jesus foi o fruto de Maria . Quem quer o fruto deve também querer a árvore . Quem , pois , quer a Jesus , deve procurar Maria ; e quem acha Maria , certamente acha também Jesus .” (página 142)
    Diz a Bíblia :
    “Respondeu-lhes Jesus : Eu sou o caminho , a verdade e a vida ; ninguém vem ao Pai senão por mim .” (João 14.6)
    “Porque há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens , Jesus Cristo , homem.”( Timóteo 2.5)
    . Essa mulher (imagem formulada pela igreja romana) representa o Falso Sistema Religioso da Grande Tribulação. Ela é retratada “embriagada do sangue dos mártires e do sangue das testemunhas de Jesus” (Apocalipse 17:6). Agora é hora de discernirmos os sinais dos tempos. Estamos vivendo no período que precede a Tribulação. O aparecimento do Anticristo e o estabelecimento da Nova Ordem Mundial estão muito próximos. Essa ressurgência do culto à Virgem Maria, especialmente à Madona Negra, é um dos muitos sinais de que o início da Tribulação está próximo.
    A Maria é mãe de Jesus, e morreu ela não cura, não salva, não liberta, nenhum santo tem esse poder a não ser o verdadeiro Jesus.

  • Carlos M

    Este é um dogma criado pela Igreja Católica, mas tornou-se uma doutrina oficial no Concílio de Éfeso. Foi nessa cidade que Diana (SEMIRAMIS, mulher de Ninrode) tinha sido adorada como deusa da virgindade e da fertilidade desde os tempos primitivos. Assim sendo, os líderes da igreja de Éfeso – quando veio à apostasia – também raciocinavam que se fosse permitido às pessoas conservarem suas idéias a respeito de uma deusa-mãe, se isto fosse misturado com o cristianismo e o nome de Maria fosse colocado no lugar, eles poderiam ganhar mais convertidos. Então a partir daí foram criados todos os dogmas de apoio a esta heresia e idolatria como ascensão de Maria aos Céus. Que Maria permanceu virgem após o nascimento de Jesus e outras.

  • Brito

    Não quero ser mal educado. Esta pergunta desvaloriza a Mãe de Jesus. Tipicamente de evangélicos sem devidos esclarecimentos teológicos.
    Maria é e sempre será uma mulher perfeita como todas as mulheres, porém Ela é a Mãe do Salvador e Jesus sendo nosso irmão, Maria passa a ser nossa Mãe. Mesmo que você não aceite a ascensão da Virgem de faço lembrar da anunciação do Anjo Gabriel: “Bendita entre as nações de todas as gerações”.
    segundo a Igreja católica isso é um dogma de Fé. O corpo Místico de Jesus foi gerado a partir da matéria de Maria, por isso, Deus é um com o Filho, e o Filho é um com a Mãe (Maria). Dúvidas podem existir inadmissível é o desrespeito de alguns com nossa Mãe, por isso, indago: “Qual o filho que aceita ver sua Mãe desrespeitada”? Aos desavisados respeitem nossa Mãe Maria.

  • Renato

    Em lugar nenhum..isto é mais um dogma da igreja católica.
    sem mais

  • http://www.free-hiphopbeats.com Free Hip Hop Beats

    Que pergunta difícil, afinal quem aguarda o julgamento, é o corpo ou a alma? Quando nós “morremos”, todos os elementos que compuseram o nosso corpo carnal, voltam para a natureza.
    Não se engane, Maria além de mãe biológica de Jesus, tornou-se discípula do Mestre e também mensageira Dele.

  • Wagner l

    Faço das palavras do meu amigo Serginho as minhas…

  • Val Kisses

    eu não acredito em julgamento final.
    Mas o corpo de Maria não foi para o céu, ela foi enterrada normalmente. O espírito dela sim, mas não para aguardar o julgamento final porque este não existe. Deus não vai nos julgar, Ele é justo e bom.

  • Fire Hall

    realmente não existe registro disso.. isso foi invenção do homem…Maria apesar de ser uma pessoa santa, e vale ressaltar que ser santo não quer dizer que ela é digna de adoração…a palavra santo significa escolhido ,, separado…ou seja ela foi escolhida por Deus por ter um comportamento santo perante seu Criador, Salvador e Senhor Jesus Cristo……mas ela tambem aguarda a volta de Jesus nas nuvens…
    A Biblia relata que so tres pessoas foram levadas vivas para o céu…
    Enoque e Elias foi falado de maneira aberta…e Moisés que apareceu no jardim do Getsamani juntamente com Elias…..
    muitas denominações interpretam a biblia de acordo com seus interesses….e se esquecem que a igreja é o corpo e Jesus é a cabeça…
    e res´pondam a seguinte pergunta:
    - Pode a Igreja sendo o corpo querer mudar o que esta escrito na Biblia??
    - Se Jesus é a cabeça,, e não caberia ao Cabeça determinar , mudar, retificar, alguma coisa??
    - como pode o Corpo querer mandar na Cabeça??
    - e nem Jesus Cristo deu autoridade a Si Mesmo, antes falou ,, eu faço as coisas que meu Pai me ordenou…?quem pode mudar as coisas,,, a Cabeça(Jesus, Deus) ou o Corpo??
    e como temos visto mudaram o tempo que iniciava ao escurecer de uma tarde..e sabado para o domingo…
    dizem que Jesus mudou,,mas Ele em nenhum momento falou isso….se Deus falou os Dez mandamentos de maneira aberta ,, para mudar Jesus iria proceder da mesma forma….
    e os Dez mandamentos reflete o carater de Deus…como poderia Deus invalidar seu proprio carater,, que esta na sua santa Lei….
    ,,mas vc poderia dizer…adorar a Deus pode ser em qualquer outro dia?,, não amigo, ai vc le que Deus disse não peço sacrificios,, mas sim obediencia.
    ou vc poderia dizer que porque Deus descansou nesse dia…mas Déus é Deus e Ele não se cansa…logo Ele fez o Sabado por causa do homem e não o inverso….
    outra razão de o sabado tem de ser observado é o memoria da criação…toda vez que o ser humano se ajoelhasse nesse dia para orar …os homens se lembrariam de quem fez a Terra, os outros mundos habitados, as estrelas, o universo inteiro, inclusive quem fez o proprio homem..
    mudaram tambem que não teras outros deuses perante o senhor teu Deus,, no entanto adoram a esse a,, aquele,, etc etc diversos deuses e Deus foi claro ,, a Minha gloria nãoi divido com ninguem…
    se colocam no lugar de Jesus.. quando na Biblia diz que ninguem pode ir diretamente a Deus a não ser por intermedio de Jesus…..e por ai vai….

  • febo de fabula

    Então voce procura o corpo de Maria.
    Os primeiros cristãos a igreja primitiva já falavam que Maria subiu ao ceu em corpo e alma.
    A região a onde Maria teria deixado esta terra o povo não chamava a morte de Maria mas sim a DORMICIO

  • Sérginho

    Não existir essa resposta, pois a bíblia não fala mais nada após a morte de Jesus, sobre Maria.
    Se fosse para adorar ou venerar Maria, porque os discípulos não veneravam, por que Jesus não falou nada…
    pelo contrario ele disse “eu sou o caminho a verdade e a vida, ninguém vai ao pai a não ser por mim”
    abraços

  • http://smartphony.net/ WP Affiliate Shopping Plugin

    Desde quando a Bíblia prova alguma coisa???
    Vou escrever um livro contando como é o mundo hoje em dia.. mas vou enfeitar um pouco…
    e enterrá-lo no fundo de casa..
    daki dois mil anos alguém desenterra.. e eu viro santa..
    hahaha

  • tino

    Na Bíblia não está mas está de certeza nos anais das tradições da igreja católica romana. Nós, crentes em Jesus, não devemos de modo nenhum julgar os católicos pelas suas práticas mas devemos condenar as práticas que são tradições mas que não têm alguma base bíblica. De igual modo devemos condenar as práticas de algumas intituições evangélicas que também não têm base biblica, como seja administrar sal ou água do jordão ou fiozinhos para amarrar o diabo, etc….mais parecem práticas saídas do ocultismo!!!

  • mane gelinha

    minha jovem como vc ja sabe não esta esto na biblia…..
    sobre o jugamento final para terem opinião sobre alguma coisa estudem primeiro…..
    Mateus 13:24 Propôs-lhes outra parábola, dizendo: O reino dos céus é semelhante ao homem que semeou boa semente no seu campo;
    Mateus 13:25 mas, enquanto os homens dormiam, veio o inimigo dele, semeou joio no meio do trigo, e retirou-se.
    Mateus 13:26 Quando, porém, a erva cresceu e começou a espigar, então apareceu também o joio.
    Mateus 13:27 Chegaram, pois, os servos do proprietário, e disseram-lhe: Senhor, não semeaste no teu campo boa semente? Donde, pois, vem o joio?
    Mateus 13:28 Respondeu-lhes: Algum inimigo é quem fez isso. E os servos lhe disseram: Queres, pois, que vamos arrancá-lo?
    Mateus 13:29 Ele, porém, disse: Não; para que, ao colher o joio, não arranqueis com ele também o trigo.
    Mateus 13:30 Deixai crescer ambos juntos até a ceifa; e, por ocasião da ceifa, direi aos ceifeiros: Ajuntai primeiro o joio, e atai-o em molhos para o queimar; o trigo, porém, recolhei-o no meu celeiro.
    entederam a parabola. aqui fala que Deus separará as boas sementes das más , ou seja julgará o mundo. e não ira fazendo isso de dia a pós dia , mas sim no dia da colheita, que será o dia do julgamento final
    outro exemplo:
    Mateus 25:31 Quando, pois vier o Filho do homem na sua glória, e todos os anjos com ele, então se assentará no trono da sua glória;
    Mateus 25:32 e diante dele serão reunidas todas as nações; e ele separará uns dos outros, como o pastor separa as ovelhas dos cabritos;
    Mateus 25:33 e porá as ovelhas à sua direita, mas os cabritos à esquerda.
    Mateus 25:34 Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai. Possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo;
    Mateus 25:35 porque tive fome, e me destes de comer; tive sede, e me destes de beber; era forasteiro, e me acolhestes;
    Mateus 25:36 estava nu, e me vestistes; adoeci, e me visitastes; estava na prisão e fostes ver-me.
    Mateus 25:37 Então os justos lhe perguntarão: Senhor, quando te vimos com fome, e te demos de comer? ou com sede, e te demos de beber?
    Mateus 25:38 Quando te vimos forasteiro, e te acolhemos? ou nu, e te vestimos?
    Mateus 25:39 Quando te vimos enfermo, ou na prisão, e fomos visitar-te?
    Mateus 25:40 E responder-lhes-á o Rei: Em verdade vos digo que, sempre que o fizestes a um destes meus irmãos, mesmo dos mais pequeninos, a mim o fizestes.
    Mateus 25:41 Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai- vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o Diabo e seus anjos;
    Mateus 25:42 porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber;
    Mateus 25:43 era forasteiro, e não me acolhestes; estava nu, e não me vestistes; enfermo, e na prisão, e não me visitastes.
    Mateus 25:44 Então também estes perguntarão: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou forasteiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos?
    Mateus 25:45 Ao que lhes responderá: Em verdade vos digo que, sempre que o deixaste de fazer a um destes mais pequeninos, deixastes de o fazer a mim.
    Mateus 25:46 E irão eles para o castigo eterno, mas os justos para a vida eterna.

  • guga

    Já que a pergunta é sobre a bíblia…

    Não existe nenhuma referencia ou respaldo que mostram que Maria foi assunta ao céu nas Sagradas Escrituras.
    O que existe são interpretações sem analise de contexto como, por exemplo, Apocalipse 12: onde se refere mulher vestida de sol, se for analisado o contesto bíblico se perceberá que é uma alegoria à nação de Israel que até hoje sofre em tormentos à espera para dar a luz o Filho Varão (o Messias) salvador dos Israelitas que segundo as profecias livraria a nação, e ,a exaltaria sobre todas as nações.O dragão se refere se ao diabo que quer destruir a nação de Israel desde a sua origem, e também matar o Messias quando ele nascesse. No Antigo Testamento, a nação Israelita é tratada tb como a mulher de Deus ou esposa em varias referencias.É claro que está escrito que algumas pessoas foram elevadas vivas para o céu, como é o caso de Elias, Enoque e a quem acredite que tb Moisés, mais isto é outra historia.

    A ainda referencia de que ninguém ressuscitou incorruptível (para nunca mais morrer), está em 1CO 15, 20 ao 23 onde mostra que só quando Cristo VIER os mortos ressuscitarão “incorruptíveis” como está no versículo 52, e já que não se deve clamar a mortos, como está escrito em Dt 18.10 e 11 Is 8.19
    “Pois bem, isto apenas prova que ninguém ressuscitou incorruptível ainda”.
    Maria então poderia ter sido assunta ao céu? Poderia. Mais se isso tivesse acontecido, a bíblia ainda não permitiria de forma alguma que se recorra a ela. Como Tb não devemos recorrer a nenhum outro nome.
    E em nenhum outro há salvação; porque debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, em que devamos ser salvos.
    At 4. 12
    Senão, poderíamos pedir Tb a Elias, Enóque ou Moisés.
    Porém um acontecimento desses, ao qual, tantos dão muita importância, a ponto de dar a ela divindade, e dizer que para chegar a Jesus Cristo Somente através de Maria, que esta seria a única forma de salvação etc. (isto se acha em alguns livros que são por alguns, considerados inspirados por Deus). Com toda certeza, estaria registrado tal ocorrido nas Escrituras Sagradas que foram seladas e canonizadas pela igreja primitiva por volta do III século. Então usar a bíblia e somente ela, como única forma da fé é o recomendável.

  • Gonzalo Velasco C.

    Os discípulos veneravam, adoravam e adoramos a Um só Deus, uno e trino. Sua Santíssima Mãe é a mais pura criatura, a Arca da Nova Aliança, a maior dentre todos os Santos, a que nunca pecou e sempre esteve com seu filho, apontando para ele, a mulher vestida de sol, com a lua debaixo dos seus pés, a que pisa na cabeça e acaba com o demônio (por ordem e poder de Deus, não dela).
    Que ela não apareça nos textos é uma prova a mais de que se fez a menor de todas e por isso Deus a elevou sobre todos nós e até sobre os Anjos no Céu. Isso foi dito por muitos Santos inspirados.
    A Bíblia e a Fé não são coisas antigas mortas e enterradas há 2000 anos. Quem não quer crer, que não creia e tudo de bom para vocês.

  • Gonzalo Velasco C.

    Existem referências a Maria desde o Gênesis. Há de se estudar teologia e história (além das antigas línguas hebraicas e grego) para entender a linguagem dos Evangelhos, não se pode apenas “ler” como se fosse um texto qualquer, desconexo de uma realidade e espiritualidade.
    Pode se ver no Apocalipse (S. João) muitas coisas que nenhum outro texto sagrado da época tem, e ali está uma referência clara a Maria.
    Depois, existem outros textos inspirados e tradições da época que todas as hoje igrejas cristãs separadas eram uma só (não culpem a atual Igreja Católica por isso).

    Nos evangelhos não se conta como morreram 10 dos 12 apóstolos… vão dizer que como “não está na Bíblia, não existe” e eles não morreram??

  • Marcio Saxbh

    mostra este referencia biblica então, O lider religioso que afirma algo que não esta na biblia peca

  • anderson calheiro de oliveira

    quem vai te salvar? um ser de carne e osso como maria como um ser normal ou jesus que morreu para nos salvar…

    João 3:13 Ora, ninguém subiu ao céu, senão aquele que de lá desceu, a saber, o Filho do Homem [que está no céu].