As Palavras do Senhor

Pq A Biblia Poe A Culpa De Tudo Na Mulher E Nela é Tratada Como Lixo?

mais um motivo pra n acreditar nela,é um absurdo a mulher ser tratada como lixo,lá diz a mulher é o pecado,pra falar tinha q pedir permissão ao marido,o homem podia ter varias amantes e se a mulher fazia isso,era apedrejada,onde q isso é justo?deus n é justo?e ainda a poe a culpa de ter comida a maça na mulher! acredito em deus e n na biblia

COMENTÁRIOS FACEBOOK

Comments to Pq A Biblia Poe A Culpa De Tudo Na Mulher E Nela é Tratada Como Lixo?

  • A mulher no paganismo era valorizada. Para que a Bíblia conseguisse maior êxito, acharam por bem denegrir a imagem da mulher.
    Não admitiam que a Divindade pudesse ser cultuada dentro de templos constituídos por mãos humanas, assim, faziam dos campos e das florestas, principalmente onde houvesse antigos carvalhos, os locais de suas cerimônias, reuniam-se nos círculos de pedra, como se vêem nas ruínas de Stonehenge Avebury, Silbury Hill e outros.
    Enquanto em algumas cerimônias célticas os participantes a faziam sem vestes os Druidas, por sua vez, usavam túnicas brancas. Sempre formavam os círculos mágicos visando a canalização de força. Por não usarem roupas em algumas cerimônias e por desenvolverem rituais ligados à fecundidade da natureza, por ignorância, por má fé ou mesmo por crueldade dos padres da Igreja, Celtas foram terrivelmente acusados de praticarem rituais libidinosos, quando na realidade tratava-se de rituais sagrados à Deusa Mãe.
    Mas, bastaria isto para o catolicismo não aceitar a religião celta, pois como aquela religião descendente do tronco Judaico colocava a mulher como algo inferior, responsabilizando-a pela queda do homem, pela perda do paraíso. Na realidade o lado esotérico da religião hebraica baniu o elemento feminino já desde a própria Trindade. Todas as Trindades das religiões antigas continham um lado feminino, somente não a hebraica.
    A Igreja Católica, derivada do hebraísmo ortodoxo, também mostrou ser uma religião essencialmente machista e como tal lhe era intolerável à admissão de uma Deusa Mãe, mesmo que esta simbolizasse a própria natureza, tanto que para Igreja Católica, “seu” Deus é uma figura masculina.
    Mesmo que o Catolicismo assumisse uma posição machista isto não foi ensinado e nem praticado por Jesus. Ele na realidade valorizou bem a mulher e, por sinal, existe um belíssimo evangelho apócrifo denominado “O Evangelho da Mulher”. Também nos primeiros séculos do Cristianismo a participação feminina era bem intensa. Entre os principais livros do Gnosticismo dos primeiros séculos, conforme consta nos achados arqueológicos da Biblioteca de Nag Hammadi consta o Evangelho de Maria Madalena mostrando que os evangelistas não foram apenas pessoas do sexo masculino.
    Sabe-se que o papel de subalternidade do lado feminino dentro do Cristianismo foi oficializado a partir do I Concilio de Nicéia no ano 325.
    Um grande abraço iluminado!
    Luz___________________________________…

    Luz__ 17 Maio, 2009 5:26
  • Primeiro deus se escreve com letra maiuscula = Deus.
    2 – A bíblia coloca o maior grau d culpa sobre o marido,Adão,dizendo q ele desobedeceu por livre e espontania vontade,mais a mulher foi enganada e o pecado original não é o sexo.
    3- O homem não podia ter amantes assim como a mulher,porem foi permitido por um tempo para aumentar a linhagem d Abraão o homem ter mais d uma esposa d papel passado, com todas as garantias.
    4- Acredito na bíblia e não no seu deus.
    Até…

    Kaue 17 Maio, 2009 5:26
  • Na época em que foi escrita, os povos pensavam assim. Homem pode tudo, mulher nada. Elas não tinham muita opção, saíam do braço dominador do pai para cair no braço dominador do marido.
    Não eram consideradas pessoas merecedoras de respeito.
    Hoje é diferente. A mulher só é tratada como lixo se permitir.
    E ainda hoje, existe mentes medríocres que ainda acreditam nessa loucura do passado. Criam os meninos para mandar nas meninas. E o pior é que quem os cria são exatamente as mães, portanto mulheres.

    nina rosa 17 Maio, 2009 5:26
  • Na biblia original nao era bem assim, apesar da sociedade altamente machista da epoca o cristianismo original dizia justamente o contrario.
    Mas a biblia foi mudada no passar dos seculos e foram adaptando ela conforme os interesses politicos e economicos das epocas.
    Sabia que até o alcorão original dos muçulmanos falava de respeito,igualdade, e dos direitos e deveres das mulheres? Só que agora, depois de terem sido acrescentadas mais de 600 paginas nele, é muita coisa mudou. Tem um trecho original que diz que a mulher deve ser bem tratada, porem acrescentaram um em que compara a mulher aos burros só que com a diferença dos burros servirem pra carregar cargas, coisa que as mulheres nao servem.
    Então, nao se iluda achando que a biblia é hoje em dia do jeito que foi escrita, porque muita coisa foi tirada e mudada dela.

    Anónimo 17 Maio, 2009 5:26
  • Vc está um pouquinho enganado.
    Como pode a mulher ser tratada como lixo, se a Bíblia diz em Efésios 5.25-26: “Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela, para que a santificasse, tendo-a purificado (…)”
    Além disso, Provérbios 18:22 diz: “Quem acha uma esposa acha o bem e alcançou a benevolência do Senhor.”
    Deus ama a família, e criou a mulher para ser auxiliadora idônea do homem, e não o que vc está pensando… A Bíblia foi inspirada por Deus, pode acreditar que tudo o que nela está escrito, Deus assina embaixo.
    Pense nisso.
    Que Deus te abençoe e te abra os olhos.

    Cláudia 17 Maio, 2009 5:26
  • Na verdade a Bíblia não é a culpada, além de ser um livro religioso, a Bíblia é um livro histórico e reflete o pensamento da época como ele era. A valorização da mulher é algo bastante recente no quesito igualdade. Se verificarmos todos os livros históricos da época devem ter a mesma característica: valorização do homem, da riqueza, do poder. Neste quesito Jesus foi um revolucionário pois ele ensinou a ter amor e não a ser escravo das leis, como eram os judeus que queriam tudo ao pé da letra. Resumindo: a Bíblia apenas conta a ideologia da época, é notável a atitude de Jesus quanto a isto, ele é totalmente o contrário: acolheu a prostituta, a hemorroíssa, era amigo de Marta e Maria, etc, etc, etc…

    Hamilton G 17 Maio, 2009 5:26
  • É impressionante como tem pessoas que não acreditam na palavra viva de DEUS. Como tudo que está ocorrendo no mundo. Eu pensaria muito antes de duvidar.
    Relativamente à questão da mulher ou qualquer outra questão das ESCRITURAS, entendo não serem passíveis de discussões. As coisas de Deus são imperativas, ou acredita-se ou não.

    dircamar 17 Maio, 2009 5:26
  • Muitas palavras que estão escritas na bíblia são meio confusas, temos que saber interpretar e entender tudo que esta escrito. Pelo que vejo e pelas homilia que vejo na igreja acho que vc esta errada com seu conceito em relação a mulher. O padre nas missas diz que a mulher é um ser supremo porque só ela pode dar a vida a alguém. Imagina uma mulher gerando uma vida dentro dela, que maravilha que isso, vc não acha? Não pense assim sobre a bíblia.

    Adauto J 17 Maio, 2009 5:26
  • Não sei quem te disse isso: “Que a mulher é tratada como lixo”, mas quero que saiba que Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu filho unigênito, que para todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Deus não faz exepção de uns, simplesmente nos ama da forma que somos, mesmo com nossos defeitos e qualidades, na Bíblia mesmo diz que Deus virá buscar A SUA NOIVA, ou seja isso inclui nós mulheres, e se observarmos chegaremos a seguinte conclusão: NINGUÉM É PERFEITO, TODOS NÓS TEMOS DEFEITOS.
    e mesmo que erremos, e muita das vezes deixamos algo a desejar, Deus nunca nos desamparará, tanto os homens, quanto nós mulheres. Claro que no mundo que vivemos as coisas não funcionam seguindo a risca o que está escrito na bíblia, muitas pessoas sentem um pouco de preconceito em relação a mulher, acham que só os homens tem direito de fazer o que quiser. Ter quantas mulheres eles quiserem, e que só a mulher que sairá como pecadora.
    Mas enfim Deus morreu na cruz do calvário para que todos nós viversemos.
    Obs: Se leres em Cantares verás o quanto a mulher é importante, e valorizada Cantares 4- 9 ao 15
    Bjs, e fique firme, e cuidado ao ir acreditando em tudo que dizem por aí, tenho certeza que se crê em Deus, também crerá na sua palavra.

    Jojohtinha do Y!R 17 Maio, 2009 5:26
  • Vamos por partes. Tenho toda certeza de que o problema não está na Bíblia, nem em Deus. Talvez o “X” da questão esteja na sua maneira de enxergar os fatos. Veja só, no fato ocorrido no Jardim do Éden, todos os envolvidos (homem, mulher e “serpente”) estavam errados. O homem transferiu a culpa para a mulher e a mulher transferiu-a para a “serpente”. Deus exerceu juízo sobre os três mas somente para a mulher foi dada também uma sentença de esperança: dela viria o descendente que esmagaria a cabeça da “serpente”.
    Posso citar outras mulheres de muita importancia que foram mulheres de muita coragem e instrumentos nas mãos de Deus: Ana (mãe de Samuel), Noemi e Rute, Raabe, a rainha Ester, a profetisa Débora que liderou Israel no tempo dos Juízes, Maria – mãe de Jesus, Maria Madalena, Maria irmã de Lázaro, Dorcas, Euníce e muitas outras.

    Fábio 17 Maio, 2009 5:26
  • A bíblia e um livro de historia deturpado e modificado se realmente eles segui sem a bíblia teriao de andar de camelo ou a pe não teria igrejas e templos faraônicos seriao puros de coraçao nao ostentariao riquezas e tao pouco iludia os que procurao um caminho regrado para a sua vida

    Pai Paulao 17 Maio, 2009 5:26
  • Então tá bom. Se vc não acredita, azar o seu. Esse assunto já foi debatido aqui umas 759 vezes. Faça uma pesquisa e verá. Estou sem tempo hj para entrar em grandes divergencias de opiniões. E explicar sobre Antigo Testamento, costumes e tradições dos povos daquela época. Boa tarde!

    TM 17 Maio, 2009 5:26
  • -Pelo seu nome, não sei se vc é DO SEXO FEMENINO OU MASCULINO, mas, é bom que fique bem claro, Deus criou Adão e Eva, e os CASOU, ou seja, instituiu o CASAMENTO, esse foi o primeiro ato de Deus neste sentido, além do que, não traçou Ele regras de submissão tão drásticas assim, apenas colocou o Homem como cabeça para a mulher.
    -Depois do Pecado, o mundo andou por suas própria pernas, e Deus só veio a determinar leis mais severas, na Lei Mosaica, mas os homens decidiram por si só ter MAIS MULHERES DO QUE O PERMITIDO, Deus apenas permitiu no caso de Israel, para efeito de fazer a nação crescer, mas INSTITUIU NOVAMENTE A MONOGAMIA, ao enviar Seu Filho, QUE ENTRE OUTRAS COISAS, deu toda consideração as MULHERES, primeiro com a Samaritana e depois com Maria Madalena, Paulo foi instruído por Jesus e explicou ainda melhor o relacionamento.

    ricardo bn 17 Maio, 2009 5:26
  • Não me lembro da Bíblia colocar a culpa na mulher. Desculpa mais tente ler a bíblia e interpretá – la, depois vc vem fazer uma pergunta q realmente vale à pena responder. Aprenda a respeitar Deus porque isso o q vc fez é um elogio ao diab…

    rafael 17 Maio, 2009 5:26
  • É preciso ter em consideração a época em que isso foi escrito. Essas coisas contra a mulher eram as normas daquela sociedade não foi Deus que o ordenou.

    Ana O 17 Maio, 2009 5:26
  • Como eu sempre digo, você só vai entender a bíblia se você ler!
    tente ler Ester, por exemplo.

    • Mari 17 Maio, 2009 5:26
  • a cultura antiga era assim.
    nao importava se tinha biblia ou nao, nakele tempo era assim.

    † And † 17 Maio, 2009 5:26
  • se deve ao fato de a mulher comer do fruto da arvore proibida e seduzir o marido a comer tambem

    Biju 17 Maio, 2009 5:26
  • Segundo a bíblia a mulher é submissa ao homem.

    Martin Luther King Jr. 17 Maio, 2009 5:26
  • Tanto Adão como Eva foram feitos à imagem de Deus. Além disso, receberam dele as mesmas instruções para serem fecundos, encher a Terra e sujeitá-la. Deviam trabalhar juntos, como uma equipe. (Gênesis 1:27, 28) É claro que, naquele tempo, nenhum dos dois dominava o outro cruelmente. Gênesis 1:31 diz: “Deus viu tudo o que tinha feito, e eis que era muito bom.”
    Em alguns casos, os relatos bíblicos não indicam qual o conceito de Deus sobre determinado assunto. Podem ser apenas narrativa histórica. O relato sobre Ló oferecer suas duas filhas aos sodomitas não menciona se aquilo era moralmente aceitável e qual era a opinião de Deus sobre o assunto. — Gênesis 19:6-8.
    O fato é que Deus odeia todas as formas de exploração e abuso. (Êxodo 22:22; Deuteronômio 27:19; Isaías 10:1, 2) A Lei mosaica condenava o estupro e a prostituição. (Levítico 19:29; Deuteronômio 22:23-29) O adultério era proibido, e a punição para as duas pessoas envolvidas era a morte. (Levítico 20:10) Em vez de discriminar as mulheres, a Lei as dignificava e protegia contra a exploração comum nas nações vizinhas. A esposa judia capaz era uma pessoa muito respeitada e valorizada. (Provérbios 31:10, 28-30) O fracasso dos israelitas em seguir as leis de Deus na questão de mostrar respeito pelas mulheres era culpa deles, não a vontade de Deus. (Deuteronômio 32:5) Por fim, Deus julgou e puniu toda a nação por sua flagrante desobediência.
    Sujeição significa discriminação?
    Qualquer sociedade só funciona bem quando há ordem, o que exige administração de autoridade. O contrário disso é o caos. “Deus não é Deus de desordem, mas de paz.” — 1 Coríntios 14:33.
    O apóstolo Paulo descreve o princípio da chefia na família: “A cabeça de todo homem é o Cristo; por sua vez, a cabeça da mulher é o homem; por sua vez, a cabeça do Cristo é Deus.” (1 Coríntios 11:3) Toda pessoa, exceto Deus, está sujeita a alguma autoridade. Será que por Jesus ter um cabeça significa que ele é discriminado? Claro que não! O fato de os homens terem sido biblicamente designados para tomar a dianteira na congregação e na família não quer dizer que as mulheres estão sendo discriminadas. Para prosperar, tanto a família como a congregação precisam de homens e mulheres que desempenhem seus respectivos papéis com amor e respeito. — Efésios 5:21-25, 28, 29, 33.
    Jesus sempre tratava as mulheres com respeito. Ele se recusava a seguir as tradições e as regras discriminatórias ensinadas pelos fariseus. Conversava com mulheres que não eram judias. (Mateus 15:22-28; João 4:7-9) Ele ensinava as mulheres. (Lucas 10:38-42) Protegia-as de ser abandonadas. (Marcos 10:11, 12) Talvez a atitude mais revolucionária para a época de Jesus foi ele ter aceito mulheres no seu círculo de amigos íntimos. (Lucas 8:1-3) Como a personificação perfeita de todas as qualidades divinas, Jesus mostrou que tanto o homem como a mulher têm o mesmo valor aos olhos de Deus. De fato, entre os primeiros cristãos, homens e mulheres receberam a dádiva gratuita do espírito santo. (Atos 2:1-4, 17, 18) Para os ungidos, que têm a perspectiva de servir como reis e sacerdotes com Cristo, não haverá nenhuma distinção de sexo quando forem ressuscitados para a vida celestial. (Gálatas 3:28) Jeová, o autor da Bíblia, não discrimina as mulheres.

    Tompson Rogério Vieira 17 Maio, 2009 5:26
Loading...